domingo, 28 de abril de 2013

Resposta






Bom acho que a fic que você está falando é a segunda e não a primeira,estou certa?
E respondendo ao seu comentário eu não terminei por falta de imaginação e eu também não estava me sentindo bem no tempo em que eu estava escrevendo a fic.
Eu já tentei continuar com a fic mas eu penso diferente agora e acho que não daria certo continuar uma coisa que eu já não terminei por falta de imaginação pra fazer uma continuação decente.
Bom é isso e espero ter respondido a sua pergunta.

domingo, 21 de abril de 2013

Mini-Fic Jemi Be Your Everything final


Na manhã seguinte ao seu aniversário Demi acordou com a frase dita por sua mãe martelando sua mente “Você o ama Demi só ainda não teve coragem de admitir”,e a resposta de Demi para esses pensamentos absurdos era de que isso era impossível.
Eles eram amigos desde sempre era impossível você conviver sua vida toda com uma pessoas e só depois de 18 anos de convivência você se apaixonar por ela,isso só acontece e filmes.Mas ela poderia estar apaixonada por ele a muito tempo e ainda não tinha percebido.Não,não e não isso não podia estar acontecendo com ela,os dois eram os mesmo melhores amigos de sempre,nenhum sentimento maior por parte da Demi em relação a Joe.

Dianna:filha hora de levantar para ir para escola
Demi:Mãe-manhosa-
Dianna:O que foi meu anjo¿
Demi:Você acha mesmo que eu-engole seco-amo o Joe¿
Dianna:-sorri-Eu tenho certeza disso meu anjo
Demi:não-enfiando o rosto n travesseiro-
Dianna:Estar apaixonada pelo seu melhor amigo é tão ruim assim¿
Demi:-afirma coma cabeça-
Dianna:Eu posso não saber muito sobre esse assunto mas nos filmes as garotas só reclamam de estarem apaixonadas pelo melhor amigos quando ele não sente o mesmo e pelo que eu sei o Joe te ama
Demi:Mas isso não podia acontecer-tira o rosto do travesseiro-sabe mãe nós somos amigos desde o nosso nascimento e agora estamos apaixonados um pelo outro
Dianna:E o que tem demais nisso¿
Demi:Isso é errado,vai contra as leis da física
Dianna:Que lei é essa filha¿
Demi:Melhores amigos nunca podem se apaixonar porque alguém sempre sai machucado
Dianna:Eu não conheço essa lei da física-ri-
Demi:-sorri-não é uma lei da física mas é verdade
Dianna:Vocês nunca foram o tipo de melhores amigos convencionais porque agora como namorados teriam que seguir os padrões¿
Demi:Eu estou com medo-sussurra-
Dianna:Medo de ser feliz meu anjo¿
Demi:Medo de admitir que eu o amo e que ele já não sinta mais o mesmo-deixa escorrer uma lágrima-
Dianna:Não se preocupe com isso meu anjo porque lá no fundo você sabe que ele sempre irá te amar e sabe também que você o ama a muito mais tempo do que imagina
Demi:Eu não sei o que fazer
Dianna:Por que não fala com ele e tira essa sensação de vazio e tortura do seu peito
Demi:Como você sabe que eu estou me sentindo assim¿
Dianna:Eu te conheço melhor do que qualquer um meu anjo-sorri-agora se arrume para ir para escola e também para encontrar seu futuro namorado-sorri-
Demi:Obrigada mãe mas eu não sei se vou fazer isso
Dianna:Você irá fazer a coisa certa não se preocupe

Naquela manhã quando chegava na escola Demi esbarrou em Joe e por segundos incontáveis ela ficou observando o garoto enquanto ele pegava seus livros caídos no chão.Aquele perfume maravilhoso invadindo todo o seu corpo e a levando a um estado de êxtase total onde ela só conseguia lembrar dos lábios doces e macios de Joe,de seus abraços apertados e de como era bom estar ao seu lado.
Demi estava inconsciente de seus atos,apenas deixava ser levada pelo mistos de emoção que rondava sua mente e quando conseguiu se libertar desse torpor que havia tomado conta de seu corpo Joe já caminhava em direção ao interior da escola.

Demi:Ai Deus eu estou ficando maluca
Miley:Falando sozinha a essa hora da manhã nega¿
Demi:Que susto seu animal
Miley:-Revira os olhos-Mas e aí o que deu pra você sair falando sozinha¿
Demi:Nada demais-da de ombros-
Miley:Abra seu coraçãozinho pra mim
Demi:-suspira-acho que eu estou apaixonada pelo Joe
Miley:Até que enfim você assumiu isso-levando as mãos ao céu-
Demi:Já não basta minha mãe falando isso e agora você também com isso
Miley:Nega minha está estampado no seu lindo rosto que você ama ele
Demi:Mas é difícil entender que eu passei a minha vida toda tendo o Joe só como meu melhor amigo e agora eu quero algo a mais
Miley:Mas agora que você finalmente admitiu que gosta dele por que você não vai recuperar o tempo perdido¿
Demi:Eu não sei Miley
Miley:Mas eu sei-empurra a amiga-corre atrás do seu bofe minha nega-ri

Demi:-suspira-Joe
Joe:-passa a mão pelos cabelos-oi
Demi:Eu queria conversar com você
Joe:Já estamos conversando,não estamos¿
Demi:Estamos
Joe:então já que estamos conversando o que você quer me dizer¿
Demi:Eu-sussurra-me ajuda Joe
Joe:Te ajudar no que¿
Demi:-suspira-Nos que eu preciso te dizer
Joe:Se eu não sei o que você quer me dizer como eu vou te ajudar¿
Demi:Não dificulte as coisas Joe-suspira-eu quero dizer que-sussura-eu amo você
Joe:Eu não escutei Demi
Demi:Eu amo você Joe
Joe:Você me ama como amigo¿
Demi:Eu te amo como você me ama
Joe:Então agora você me ama¿
Demi:tenta me entender Joe,nós sempre fomos melhores amigos era difícil te imaginar de outro jeito
Joe:Eu te entendo-da de ombros-mas melhores amigos se apaixonam né¿-sorri se aproximando-
Demi:Acho que sim-sorri-
Joe:Eu te amo-beija-a-
Demi:Eu te amo-sorri-

Denise:Então vocês estão namorado de novo¿
Joe:-Afirma com a cabeça-
Dianna:Aleluia nada mais de Demi se arrastando pelos cantos da casa
Demi:Obrigada mãe
Denise:Ai o Joe também estava assim
Dianna:A Demi parecia uma criança de cinco anos sem brinquedo novo
Denise:E o Joe então¿
Joe:-sussurra-O que você acha de fugirmos¿
Demi:-sussurra-Acho uma ótima idéia
Joe:-sussurra-então vamos para as colinas-sorri e sai puxando Demi pela mão-
Denise:Onde os dois foram¿
Dianna:Foram ser felizes-sorri-

sexta-feira, 5 de abril de 2013

Um Dia Feliz


                                                                         

E você acha que indo em um show aquela sua vontade insaciável de ver seus ídolos e maridos de perto vai passar ou pelo menos amenizar mas na verdade essa vontade é só mais intensificada pelas lembranças que insistem em habitar a sua mente 24 horas por dia.As lembranças de momentos felizes e que talvez nunca mais se reptam ficam em sua mente e o seu coração bate rápido com um simples "Jonas Brothers" e tudo fica ainda pior com aquela maldita depressão pós show que mesmo que para os outros pereça brincadeira de fã dramática é um dos piores sentimentos que alguém pode sentir.Lembra do quão triste você ficou por não ter encontrado e Fernanda Schein.
Então a sua mente viaja para os momentos antes do show e você lembra daquelas meninas super legais que você conheceu na fila e em segundos você se vê tentando imitar o sotaque carioca super fofo de uma menina e mesmo que vocês se tenham falado somente aquele dia você queria muito que vocês morassem no mesmo lugar, sente saudade daquela mãe que estava lá pra ver a filha saciar por algumas horas a vontade de ver seus ídolos e ficou com a sua toalha e você tem vontade de ir na casa dela não pra pegar a toalha mas sim pra bater mais uns papinhos legais e ela te dar dicas de como respirar da forma correta.Então você se pega rindo sozinha e lembrando da loucura que fez para bater uma foto com a Kéfera e dizer que ama ela,das pessoas rindo do seu desespero enquanto tentava chamar a atenção dela com gritos desesperados de "Eu te amo sua gostosa".
E agora o seu coração está apertado em batidas descompensadas e o medo de nunca mais ver aquelas pessoas e talvez não repetir aquele dia toma conta de você,mas tem que fechar os olhos e pedir que todas aquelas memórias continuem intactas na sua mente para que se um dia você encontras aquelas pessoas vocês possam suspirar juntas pelas lembranças de um dia de muitas emoções e felicidade!