sexta-feira, 29 de março de 2013

Mini-Fic Jemi Be Your Everything parte 2


Demi:Oi-sorri-
Joe:-vira de costas-
Demi:Vai continuar me ignorando até quando¿
Joe:Não estou te ignorando
Demi:Então olha pra mim e fala isso
Joe-olhando Demi-por que você não me deixa sozinho¿
Demi:Para de agir assim comigo
Joe:-dá de ombros-sou assim com todos
Demi:Eu quero o meu amigo de volta
Joe:E eu quero a minha namorada de volta só que isso é impossível,não é Demi¿
Demi:Se eu pudesse voltar no tempo-sussurrando-
Joe:Eu não estou chateado com você por não me amar,até porque eu não posso te obrigar a sentir o mesmo que eu sinto por você.Eu estou magoado é por você ter esperando seis meses pra me falar isso.
Demi:Eu estava criando coragem
Joe:tanto faz isso agora que já acabou tudo
Demi:Eu queria poder esquecer isso tudo que aconteceu
Joe:Mas você não pode simplesmente fingir que isso não aconteceu,NÃO PODE DEMI-passa a mão nos cabelos-eu ainda te amo Demi e eu não posso ignorar isso
Demi:Eu quero que você volte a ocupar o lugar de meu melhor amigo
Joe:Eu ainda sou seu melhor amigo Demi
Demi:Mas nada é como era antes-suspira-eu sinto falta do tempo e que você não me amava
Joe:Eu sempre te amei Demi-cai uma lágrima-e acho que sempre vou amar

Tudo o que ela queria agora era poder sentir o mesmo que ele e fazer toda aquela sensação de estar sufocando passar.
Era mais fácil quando eram os dois eram crianças e a palavra amor não machucava tanto.
Voltar no tempo era tudo que os dois queriam.Ela queria voltar e ver no tempo onde foi que ela esqueceu de reparar que ele talvez fosse o cara perfeito para fazer ela feliz pelo resto da eternidade.E Joe só queria voltar no tempo e arrumar o infeliz dia em que reparou que ela era a garota perfeita para fazer ele feliz pelo resto da eternidade.Mas agora ele é só o cara mais infeliz do planeta terra,ou será que é só mais um dos homens que cometeu o erro de se apaixonar pela melhor amiga¿Tanto faz a resposta já que tudo que ele queria no momento era somente não se sentir incapaz de fazer Demi o amar de uma forma mais intensa do que um sentimento de amigo.

Enquanto para o resto da humanidade já tivessem passado duas semanas para Joe e Demi o tempo parecia os levar para um mundo paralelo onde os dois fingiam que não se conheciam.Ele isolado em uma mesa do refeitório ouvindo sua seleção de músicas depressivas que de uma forma inexplicável o faziam se sentir melhor e ela cercada das amigas que não conseguiam entender o porque de Demi não estar ao lado de Joe brincando e gargalhando como sempre foi porque até quando estavam namorando eram os mesmos palhaços de sempre.
Voltando no tempo e pensando bem nada mudou quando Joe e Demi começaram a namorar.Eles eram os mesmos adolescentes que agiam como palhaços de circo.Mas uma coisa era diferente era melhor.Eles podiam aproveitar mais o outro sem medo de cometerem erros,podiam se abraçar e se beijar sem pudor porque eles eram namorados e se amavam.Sim eles se amavam e mesmo que Demi não tenha percebido ela finalmente tinha encontrado tudo o que sempre quis,tinha finalmente encontrado o homem que iria fazer ela feliz pelo resto da eternidade.

20 de agosto de 2013 Joe e Demi estavam completando mais um ano de vida e se isso fosse a um tempo atrás Joe estaria acordando Demi com seu tradicional pulo do golfinho mas hoje isso não aconteceu,ela acordou sozinha e triste por nada mais estar como era antes.Ela e Joe hoje completavam 18 anos.Eles estavam planejando comemorar essa data de um jeito especial e só deles mas o que impedia de eles fazerem isso é que os planos haviam sido feitos quando os dois ainda namoravam e mesmo que pra Demi fosse fácil fingir que nada aconteceu para Joe não era a mesma coisa.Ele não queria ter que olhar pra ela e ter que apagar da sua memória os melhores momentos de sua vida.Então enquanto ela acordava sozinha ele procurava uma forma de fazer tudo aquilo doer menos e sua vida voltar a fazer algum sentido.

Dianna:Bom dia aniversariante mais linda desse mundo
Demi:Bom dia mãe
Dianna:Está tudo bem Demi¿
Demi:Está é só que...
Dianna:Você queria que o Joe estivesse aqui¿
Demi:Está tão na cara assim¿
Dianna:Vocês sempre foram tão unidos eu não consigo entender o que aconteceu pra vocês se afastarem tanto
Demi:O Joe me ama e eu não sinto o mesmo por ele-suspira-isso aconteceu
Dianna:Tem certeza que você não sente o mesmo por ele¿
Demi:Sinto que você quer insinuar alguma coisa
Dianna:-sorri-é só olhar nos seus olhos que todos vão achar o mesmo que eu
Demi:E o que você acha mãe¿
Dianna:Você o ama Demi só ainda não teve coragem de admitir 

segunda-feira, 18 de março de 2013

Mini-Fic Jemi Be Your Everything parte 1


Poderia se passar milhares de anos mas sempre que ele a visse sentira suas pernas fraquejarem,borboletas brincariam no seu estômago e seu coração corria um sério risco de parar de tão forte que batia.Sempre seria assim!
Não tem um momento da sua vida que Joe possa dizer que Demi não estava presente.Desde criança sua mãe lhe conta a história de quando ela e a mãe de Demi estavam em uma reunião de reencontro das amigas da escola quando os dois resolveram nascer.
Eles cresceram juntos eram daquele tipo de melhores amigos inseparáveis.Embora ela preferisse brincar de boneca enquanto ele de carrinho eles sempre se entendiam.
Toda vez que Joe via um casal na rua andando de braços e mão dadas e dedos entrelaçados ele imaginava que um dia seria ele e Demi assim.Ele sempre sentiu algo muito forte por ela mas como era só uma criança achava que era aquilo que todos sentiam por um amigo especial.Depois que cresceu que ele soube que aquilo que ele sentia por Demi se chamava amor.
Mas Demi sempre viu Joe do mesmo jeito,ele era apenas o seu melhor amigo,aquele cara que reclamava quando os meninos olhavam pra ela e que ficava extremamente irritado quando ela falava que ia se casar com o Hugh Jackman.
Joe nunca demonstrou sentir algo a mais que amizade por Demi,ele tinha medo de como ela iria reagir e por isso tentava esconder de todos que a amava mais que a própria vida.
Mas chegou um momento que ele simplesmente não conseguia mais olhar pra ela sem sentir aquela enorme vontade de a ter em seus braços e poder gritar ao mundo que ela finalmente era sua.
Ele tentou adiar ao máximo o dia em que contaria pra ela sobre seus sentimentos mas não conseguiu por muito tempo.Ele jurava que ela iria ter uma crise e iria jogar tudo que estava ao seu alcance nele mas contrariando todos os pensamento de Joe não foi isso que aconteceu.
Quando ele disse que a amava ela simplesmente não teve nenhuma reação e ele respeitou o choque dela,deu um tempo para que ela pensasse e quando ele a pediu em namoro ela respondeu com um simples tudo bem.Fogos de artifício foram acionados em seu coração e com um sorriso gigante nos lábios ele a beijou e pode saciar toda a vontade que sentia a anos te a ter em seus braços.
Demi não gostava de Joe como um possível namorado,ele era e sempre seria o seu melhor amigo,ela só aceitou o pedido porque desde que eram crianças ela nunca soube dizer não pra ele,Demi nunca aprendeu a negar algo quando Joe estava na sua frente fazendo uma carinha fofa de cachorro que caiu da mudança e o pior de tudo é que aquela era a sua cara normal,sempre teve o rosto de uma criança fofa que todos os adultos gostam de apertar as bochechas e é por sempre ter essa expressão que ela não soube como dizer a ele que não o amava,não como ele queria.
Foram seis meses até que Demi finalmente contou para Joe que não o amava como um namorado,pra ela Joe sempre seria seu melhor amigo.
Mas pra ele não era tão simples assim,ele a amava e essa sentimento não passaria do dia para a noite.
Hoje faria exatamente três meses que eles não estavam mais juntos e para o azar de Joe em sua casa hoje ocorreria mais um dos tradicionais jantares que seus pais e os de Demi faziam para,segundo eles mesmos,botar o assunto em dia e por uma noite voltarem a ser adolescentes.
Joe tentou de todas as formas fazer com que sua mãe permitisse que ele ficasse no quarto mas ela não deixou e então ele teve que se preparar para que quando visse Demi ele não corresse até ela e perguntasse o que ela tinha na cabeça que não conseguia enxergar o quanto eles eram perfeitos juntos.
Os pais de Demi e ela já haviam chegado e estavam em uma conversa muito animada sobre gírias antigas mas Joe não estava na sala e isso estava deixando Demi mais que curiosa.
Demi:Tia
Denise:Fala querida-sorri-
Demi:O Joe não está em casa¿
Denise:Está sim
Demi:Por que ele não está aqui¿
Denise:Ele deve estar vendo alguma coisa na Tv você conhece o Joe-sorri-Por que você não vai chama-lo¿
Joe:Não precisa mãe eu já estou aqui
Denise:Por que demorou¿
Joe:Eu estava vendo Tv-dá de ombros-
Dianna:Como você está Joe¿
Joe:Como sempre
Paul:Filho
Joe:Me desculpem eu não estou me sentindo muito bem hoje
Denise:por isso queria ficar no seu quarto¿
Joe:Talvez por isso talvez por...-olha Demi-eu vou ficar bem
Denise:Se está tudo bem então vamos continuar com a nossa conversa

Denise,Dianna,Paul e Eddie continuaram sua conversa animadamente enquanto Joe ficou escorado em um canto da sala.Demi o observava com uma expressão triste no rosto,quando terminou com Joe ela não imaginou que ele ficaria assim e que passaria a ignorar ela.
Demi não estava mais suportando ficar afastada de Joe,ela não sabia viver sem ele e suas piadas sem aquele sorriso que fazia seu dia valer a pena.Ela sentia falta dos abraços apertados que Joe lhe dava quando estavam namorando e mesmo que eles fossem amigos desde sempre ela só descobriu o quão bom eram os abraços de Joe depois que começaram a namorar.
Pra ser bem sincera Demi já estava começando a repensar o término de seu namoro com Joe.

AVISO

Sabe o que eu percebi?Que eu só venho aqui dar avisos,haha,mas enfim esse é sério.Lembram daquela mini-fic que eu disse que eu ia continuar?Eu resolvi não continuar,deixar aquilo do jeito que está mas talvez daqui um tempo eu faça uma continuação digna porque agora eu estou com outras histórias na cabeça e uma eu pretendo postar ainda hoje só faltam alguns ajustes.
É isso espero que não queriam me matar.

quarta-feira, 13 de março de 2013

Aviso + Show dos JoBros

Hey me desculpem eu sei que deveria ter postado a continuação da mini-fic mas com tantos preparativos para o show eu fiquei sem tempo.

AHHHH o show é amanhã eu nem consigo acreditar.Bom se alguém que vai ao show em Porto Alegre quiser ir falar comigo é fácil me reconhecer só vendo o meu cabelo(é bem estranho) ele é raspado de um lado e é um vermelho meio chocolate(?)bom eu gostaria de conhecer alguém que lê o blog mas se eu não conhecer paciência né!
Bom é isso até segunda acho que posto a continuação

sexta-feira, 8 de março de 2013

Aviso + Mini-Fic The Story Of Us

Bom eu sei que faz um bom tempo que eu não posto mas isso é culpa da escola,3º ano não é fácil.
O aviso é que eu não vou terminar aquela mini-fic pelo menos não agora.
Eu comecei escrever uma Mini-Fic e eu vou postar o que eu escrevi até agora e você vão me dizer se querem que eu continue com ela ou escreva outra.


Mini-Fic The Story Of Us

Ele entrou na escola e atraiu todos os olhares,as piadinhas passavam de boca em boca.De cabeça baixa ele seguia o seu caminho quando um animal passou e jogou ele no chão.
Jim:Ei!Seu ner-risos-esse corredor aqui é só pra quem pode!
Ele não respondeu só pegou os livros e saiu correndo.
O Joe realmente não era o tipo de garoto popular que as garotas devoram com os olhos,muito menos o cara que faz o estilo galã de cinema.Ele era só o Joe um garoto tímido que tinha uma queda pela garota popular da escola.estranho né¿Mas eu entendo,a Demi é a garota que todo garoto sonha.Ela não fazia nada que as outras garotas costumam fazer.Ela não é vulgar e nem considere a hipótese de um dia a encontrar naquele açougue que costumam chamar de balada.Ela era tímida e se tornou popular por ser apenas essa garota simpática que conquista todo mundo com um sorriso sincero.
Era o último dia de aula todos estavam eufóricos e planejando um jeito de terminar o ano de forma épica.
Em um canto do pequeno pátio da escola estava Demi com seu grupo de amigos,rindo e fazendo piadas.Do outro lado estava Joe que havia chegado naquele momento.Ele ajeitou a mochila nas costas,passou a mão pelos fios de seu cabelo escuro e seguiu até o grupo onde estava Demi.Todos alunos que estava no pátio olhavam para os dois como se aquilo fosse o Metallica falando da sua nova música e, pareceria com a Restart.Ficou um silencio insuportável  mesmo assim não era possível ouvir o que eles falavam.
Eles olhavam diretamente nos olhos um do outro.Os amigos de Demi estavam um pouco afastados deles e sorriam como idiotas.
Joe começou a acariciar o rosto branco e delicado de Demi.Ela fechou os olhos e os dois se aproximaram até que seus lábios se tocaram e eles começaram um beijo lento.
Enquanto os amigos de Demi pulavam e comemoravam o resto dos alunos foram se unindo em pequenos grupos para comentar e dar suas opiniões sobre o que tinha acontecido.
Joe e Demi saíram de mãos dadas e dedos entrelaçados em direção ao interior da escola.Os dois sorriam como bobos apaixonado que haviam descoberto o mundo.
Esse foi um ótimo jeito de terminar o ano.